14 dicas para se tornar uma profissional de sucesso

14 dicas para se tornar uma profissional de sucessoNós estamos dominando o mercado de trabalho, já recebemos salários equivalentes aos dos homens, tomamos conta de casa e dos filhos, mas ainda precisamos dar uma repaginada nos pensamentos e atitudes para ter sucesso na vida profissional, vamos ver alguns pontos importantes para mudar e evoluir.

1- Analise-se

Utilize suas derrota e fracassos como forma de aprendizado. Não fique choramingando pelos cantos, vá a luta. Analise suas ações, os caminhos que você pegou para chegar lá. Repense e busque outra tática.

2- Tenha uma vida pessoal

Ninguém agüenta trabalhar o tempo todo, para ser um bom profissional, você tem que valorizar sua vida pessoal. Estar sempre a disposição para o trabalho não é o mesmo que ser um burro de carga. Fazendo mais do que é sua função, você ficará estressada e não vai conseguir atingir a tão sonhada promoção.

3- Sonhe alto

Ter um grande objetivo, esta é a ordem. Se você sonhar com algo caro e grande, irá se empenhar para conquistar o seu objetivo. Não adianta apenas sonhar, ter que ter comprometimento com o seu sonho, sua vontade de realizar, assim você terá energia e animo para alcançar tudo o que você desejar. Cuide apenas para não desejar algo impossível, senão você se sentirá frustada por não alcançar os seus objetivos.


4- Ter opinião

Opine, nada mais chato do que conversar com alguém, que só repete frases feitas ou que não tem nada de interessante para dizer. Diga o que você pensa, mesmo que não seja a opinião do restante, você não está aí só para agradar.



5- Faça mais amigos

Converse com as pessoas, puxe assunto, não sabe como? Ou é mito tímida para isto? Simplesmente se permita conversar sobre assuntos cotidianos, banais, como o tempo, criação de filhos entre outros. Faca amigos no trabalho, principalmente.

6- Valorize-se

A auto-estima é um bem valioso para nosso dia-a-dia, valorize seus méritos, tente consertar seus erros. Faça uma lista de seus méritos e leia, escreva também seus planos futuros, os erros que você tem que rever.

7- Dividir as tarefas em casa

Você é mãe, profissional, esposa e dona-de-casa, ufa. Já está na hora de dividir as tarefas do cotidiano, dever e educação dos filhos, arrumação da casa, tudo pode ser dividido.

8- Trabalhe sem culpas

Qual é a mãe que nunca se sentiu culpada por trabalhar demais, esqueça esse sentimento. Você não tem motivos para culpas, se pequeno irá se orgulhar de você quando ele crescer, vai ver que além de uma ótima mãe você ainda é uma excelente profissional, com certeza será um exemplo para o futuro dele.

9- Descontração

Todo mundo precisa de uma válvula de escape, os homens jogam futebol, tomam uma cerveja com os amigos, e você? O que você faz depois daquele dia de trabalho estressante? Encontre uma forma de se distrair, vale uma balada com as amigas, uma massagem, um cineminha, ou uma cerveja com os amigos. O importante é você renovar as emergias para outro dia de trabalho.

10- Profissionalismo

Mantenha a distância ente a vida profissional e a vida pessoal; evite usar roupas sensuais mesmo que seja dia casual má empresa; uma critica profissional não é pessoal.

11- Mentira tem perna curta

É o mais verdadeiro dos ditos populares, desde criança você ouve sua mãe dizendo e não acredita? Mas é a mais pura verdade, e vale também na vida adulta. Se você mente e é descoberto, destrói para sempre sua credibilidade.


12- Seja frágil

Devemos aceitar que todas as pessoas tem as suas fraquezas, e isso não faz que ninguém seja melhor ou pior do que outra pressão. Ser uma heroína seria ótimo, mas somos humanos, assuma que você não pode tudo sozinha, não é feio.

13- Persista

No primeiro desafio, você desiste? Não, isso não é permitido. Os desafios estão aí para serem vencidos, não conseguiu, tente de novo, até atingir suas metas. Tenha força de vontade, e siga seu caminho.

14- Comunique

Saber se comunicar é um dom, mas pode ser aprendizado também. Falar um português formal, além de ser elegante, as pessoas te levaram mais a séria, principalmente nos contatos profissionais. Esta regra vale também para e-mails, memorandos ou qualquer outro tipo de comunicação.