7 doenças que podem ser transmitidas pelo beijo na boca

7 doenças que podem ser transmitidas pelo beijo na bocaEstamos perto de uma data tão especial, o dia dos namorados. E o que mais gostamos de fazer neste dia? Bom poderíamos falar em … tantas coisas, mas uma das principais é o beijo, pois sem ele não há relacionamento sólido e gostoso. Mas é importante saber que, embora seja muito bom beijar, o beijo pode transmitir diversas doenças. As doenças mais graves que podem ser transmitidas pelo beijo são:

Gripe, Gripe suína e Resfriados
Todos sabemos dos sintomas das gripes e resfriados, mas vale relembrar: febre, dores de cabeça e no corpo, tosse, coriza, mal-estar e fraqueza. Essas doenças são causados por vários tipos de vírus, como o rinovírus ou coronavírus e são transmitidas por secreções como espirros e saliva. O beijo é uma porta de entrada para estas doenças. Se você ou seu parceiro estiverem com algum dos sintomas evite o Beijo e siga medidas como a higienização das mãos com água e sabão ou álcool em gel, além de evitar tocar com as mãos nos olhos, bocas e o nariz sem os devidos cuidados de limpeza.

Meningite
A Meningite é uma doença de evolução rápida e em alguns casos pode ser fatal. Ela causa febre alta, mal-estar, vômitos, dor de cabeça, diarreia e rigidez dos músculos da nuca, ombros e costas. Não que um beijo na boca te faça vítima dessa doença, mas vários beijos em pessoas diferentes podem sim te levar a morte. Beijar na boca de múltiplos parceiros aumenta em quatro vezes a chance de pegar meningite meningocócica. A doença ocorre quando, por alguma razão em específico, bactérias e vírus vencem as defesas do organismo e atingem as meninges, membranas que envolvem e protegem o encéfalo, a medula espinhal e outras partes do sistema nervoso central. Para evitá-la não beije mais de sete pessoas em quinze dias e preste atenção aos sintomas, evitando o contato com pessoas que apresente-os.

Mononucleose
Chamada de “doença do beijo”, só o apelido dessa doença já deixa claro a forma de contágio. A pessoa nem sempre sabe que é portadora do vírus Epstein-Barr, e isso causa mais contaminações ainda. Os principais sintomas dessa doença são: fadiga, dor de garganta, tosse, febre, inchaço dos gânglios e até alterações no fígado e no baço. Mas ela pode ser assintomática, por isso acaba sendo transmitida para outras pessoas. Vale lembrar que o vírus pode ficar incubado de 30 a 45 dias no organismo e não tem cura – a pessoa vai carregá-lo para o resto da vida.

Herpes
Uma vez com herpes ela irá te acompanhar para o resto da vida. Esta doença é causada por um vírus, que mesmo que o seu parceiro não tenha nenhum indício do problema, não possua nenhuma lesão bolhosa na boca ou na pele ele pode transmitir o vírus causador da doença. Depois do contágio, não há cura. A doença pode se manifestar apenas quando a sua imunidade estiver em baixa e aí você já pode ter contaminado outras pessoas. O herpes pode aparecer como um machucado na boca ou até mesmo em outras partes do corpo. Some em seguida e reaparece de tempos em tempos.

Cárie e gengivite
A cárie também pode ser transmitida pelo beijo, pois é esta bactéria que destrói os dentes e que podem levar a perda deles, pode passear de uma boca para outra. Para evitar pegar você pode caprichar na escovação e usar o fio dental diariamente, pois assim você fortalece a imunidade bucal e as bactérias não encontrarão um ambiente propício ao desenvolvimento. Observara boca do paquera também pode evitar que você caia de boca e perca os dentes, veja se a pessoa tem todos os dentes ou se eles estão amarelados e/ou escurecidos. Se uma das repostas for sim, não invista na relação e faça a fila andar. Outra doença que pode pegar nesse caso é a gengivite, inflamação da gengiva que causa dor e desconforto, gerada pelas bactérias que dão origem ao tártaro.

Sífilis
A sífilis é uma DST, geralmente transmitida no ato sexual, mas pode ser transmitida pelo beijo, se a outra pessoa estiver contaminada e tiver alguma ferida na boca. A doença é causada por uma bactéria chamada treponema pallidum e pode aparecer em diferentes partes do corpo e levar até uma semana após o contágio para aparecer. A sífilis tem um tratamento muito difícil e pode levar a complicações como meningite, doença renal e outras.

Aids
A doença é causada por um vírus que diminui drasticamente as defesas do corpo, deixando-o vulnerável a uma série de doenças. O HIV pode ser transmitido pelo beijo se as duas pessoas estiverem com cáries ou feridas nos lábios ou no interior da boca. Uma das principais complicações da Aids é a pneumonia, o que pode levar o indivíduo a morte.

Não são apenas estas sete doenças que podem ser transmitidas pelo beijo, pois como sabemos nossa boca é cheia de bactérias, o que transforma nossa saliva numa arma maligna. E não é apenas através do beijo que estas e outras doenças podem ser transmitidas, no caso de falar, tossir ou espirrar a menos de 1 metro do indivíduo também pode ser perigoso. Ainda mais no caso de doenças como: Rubéola, sarampo, caxumba, hepatite A, tuberculose e catapora, etc.

Não se esqueça de procurar um médico caso apareça algum sintoma como: febre, dor de garganta, alguma alteração na boca ou no corpo e a presença de gânglios no pescoço. Esteja sempre em dia com seus exames de HIV, Hepatite e com as vacinas. O médico vai orientar qual o tratamento adequado. Nos casos de doenças bucais, o dentista poderá fazer o diagnóstico e tratamento. Aproveite o dia dos namorados com muita saúde e amor.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Abacaxi com mel para gripe, tosse e pneumonia

Como tirar manchas de caneta de calça jeans?

Os 10 blogueiros mais famosos do Brasil