Como suportar a dor de uma traição?

Tony e Scheila felizesO Brasil está em cólicas para saber do desfecho na história de Scheila Carvalho e Tony Salles. Confesso que sou solidária com a ex-peoa por conhecimento de causa, já passei por uma traição e sofri muito. Mas como diz minha mãe: "todo mundo já foi corno, se ainda não foi, vai ser". Com a história da apresentadora e ex-dançarina me vem uma dúvida que me aflige faz tempo: "Por que as pessoas traem?" Procuro uma desculpa, uma resposta convincente e nunca encontro.

Sou bem radical nesse quesito, quem ama não trai. Não importa se for homem ou mulher, tem que respeitar o parceiro (a) e se manter fiel. Tem mais uma coisa, para mim a maior traição é a mentira. Então quem ama não trai, não mente e cuida. Alguns homens tem a falsa ilusão de que quantidade é melhor do que qualidade, que tamanho é documento. E nós, mulheres, estamos cada fez mais exigentes com a nossa satisfação sexual e profissional, o que deixa os homens pouco a vontade.

Assim como a Scheila, eu também fui traída e perdoei (apenas uma vez), na descoberta de uma segunda traição eu dei um basta e fui viver a minha vida. Nesse momento parece que lhe é arrancado um pedaço, fica um nó na garganta e um aperto na boca do estomago. Dizem que o coração não dói, é mentira. Você sente uma dor tão forte que fica insuportável respirar, e por algum tempo você pensa que vai morrer. Dói a alma.

Não existe uma fórmula para suportar esta dor, nem para conseguir acreditar no amor novamente, as coisas simplesmente vão acontecendo. Você acorda de manhã e nota que não morreu, já consegue respirar e até ficou mais leve. Olha para o mundo com outros olhos, com os olhos de redescoberta, reconquista e retorno para casa. É hora de se reencontrar com você mesma. Resolver seus a problemas e se aceitar, se amar. As vezes parece impossível, mas tudo é possível. Eu segui algumas dicas de amigas que me foram importantes para este processo e hoje compartilho com vocês:
  • Vista-se com o seu sorriso mais bonito;
  • Olhe no espelho e tenha orgulho de você;
  • Não entregue a sua felicidade nas mãos de ninguém;
  • Seja uma pessoa completa, plena e decidida, estando sozinha ou acompanhada;
  • Mude o visual;
  • Compre roupas novas;
  • Invista na sua carreira e estudos;
  • Seja feliz sozinha;
  • Se permita ficar sozinha;
  • Se permita amar novamente.