Será o Fim do Mundo?

Pessoas sobre influencia de forças malignas? Fim do mundo? Possessão de demônios? O que está acontecendo com o mundo? Alguém tem uma resposta? Acompanhando as notícias na televisão e internet, cada dia eu ficou mais horrorizada com o "pé" em que as coisas estão.

fim do mundo

Todos os dias vemos filhos matando pais, pais matando filhos, abusos sexuais, violência doméstica, pedofilia, entre outras atrocidades e nos sentimos impotentes, sem saber a quem recorrer ou para onde correr.

Se minha avó estivesse viva diria: "isso é coisa do diabo, são os 'milanos' (mil anos) que ele está solto". Será mesmo? Ás vezes me lembro das palavras dela e chego a pensar que realmente parece isso.

Hoje eu vi na tv um bebê, uma pequena menina, recém nascida que foi deixada na frente de uma casa. Que monstro, sem amor no coração, deixaria um anjo nas noites frias aqui do Sul? Imagina-se que tenha sido a "mãe". Mas como pode uma mulher gerar um bebê durante nove meses e depois abandoná-lo a própria sorte? Esse caso, infelizmente, não é um caso isolado. São vários bebês jogados no lixo diariamente, mas poucos tem a sorte desta pequena, de ser encontrados ainda com vida. Por que estas mulheres não entregam seus filhos para adoção? Pode deixar no hospital, posto de saúde, igreja, num lugar quente e de preferência nos braços de uma pessoa de bem.

Saindo um pouco do assunto, mas nem tanto. Existem pais que "criam" os seus filhos (antes não tivessem o feito) em situação precária. Estas pessoas vêem nas crianças um meio de ganhar dinheiro e fazem isso de diversas formas. Muitos pequenos sustentam os pais e os irmão com o seu suor (pedindo esmolas, vendendo balas ou vendendo o próprio corpo), eles não estudam, mal se alimentam e ainda apanham se não trouxer dinheiro para casa. Outros recebem o bolsa família e sobrevivem com pouquíssimo dinheiro, menos mal que tem que estudar e estar com vacinas e saúde em dia, pois se não perdem o benefício.

O pior de tudo é a violência pela qual essas crianças passam, tendo como algoz aquele que deveria amá-la e protege-la, os próprios pais. Muitas sofrem com a violência doméstica, outras são abusadas pelo pai com a conivência da mãe. Esses casos são relatados diariamente e só não vê quem não presta atenção. Já vi casos em que bebês, com poucos meses de vida tinham diversos ossos quebrados e hematomas que cobriam toda a pele. É muito doloroso para mim pensar que muitos desses monstros não receberam a punição correta e estão livres por aí, fazendo novas vitimas.

Eu não tenho a resposta para tudo isso. Acho que está faltando amor no mundo. Me desculpem o desabafo, mas esta sensação de impotência me mata.